Núcleos Internos de Regulação (NIRs) são tema de workshop da Eficiência Hospitalista para os hospitais estaduais do ES

Atividade integra projeto que busca otimizar os leitos no sistema de saúde pública estadual

Segundo dados da Federação Brasileira de Hospitais (FBH) de 2019, existem 1,95 leito por mil habitantes, enquanto a média mundial fica em torno de 3,2 leitos. Para driblar essa realidade, os Núcleos Internos de Regulação (NIR) dos hospitais surgem como alternativa eficaz para promover o melhor uso dos leitos de internação disponíveis.

Consultor da Eficiência Hospitalista, o médico Vinícius Sabedot Soares

E com o objetivo de garantir que a população que depende da rede pública de saúde do estado do Espírito Santo tenha acesso aos leitos, desde setembro a Eficiência Hospitalista – Soluções em Saúde realiza um projeto de implementação dos NIRs em quatro hospitais estaduais, assim como a adequação dos núcleos já existentes.

Trata-se de uma iniciativa inédita, em parceria com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), por meio do Instituto Capixaba de Ensino, Pesquisa e Inovação em Saúde (ICEPi) e a Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS).

>> Saiba como foi a capacitação que deu início aos trabalhos da EH no Espírito Santo

Workshop NIR

E dentro do projeto, nos dias 8 e 9 de janeiro foi realizado um workshop pela Eficiência Hospitalista para falar sobre o andamento dos NIRs em oito hospitais geridos pelo estado. Desses, quatro contam com a implementação das unidades pela empresa. São eles: Hospital Maternidade Silvio Avidos, Hospital Infantil Nossa Senhora da Glória, Hospital Estadual Dório Silva (HEDS) e Hospital Estadual de Atenção Clínica (HEAC).

O evento aconteceu no auditório da Faculdade Multivix, em Vitória. Na oportunidade, as instituições de saúde trouxeram as suas experiências na implementação dos núcleos, bem como dificuldades e acertos. Além disso, foram apresentados os planos de melhorias e processos efetuados dentro do projeto.

equipe de profissionais na implementação dos Núcleos Internos de Regulação
Equipe da Eficiência Hospitalista, Flávia Luchi, Marcus Vinicius de Andrade e Maciel, Ana Catarina Soares Storari e a coordenadora do ICEPi, Emilia de Lourdes Marchette

Participaram médicos e enfermeiros, bolsistas do projeto, a direção dos hospitais, ICEPi e o Núcleo Especial de Regulação de Internação (NERI) — responsável pelos NIRs. Na coordenação do workshop, estava a equipe da Eficiência Hospitalista, representada na oportunidade pelos médicos Ana Catarina Soares Storari e Marcus Vinicius de Andrade e Maciel, bem como pela enfermeira Flávia Luchi.

Também esteve presente o médico Vinícius Sabedot Soares, consultor da empresa e que contribuiu para a elaboração do manual do NIR do Ministério da Saúde. Vinícius falou sobre a experiência da implementação do núcleo do Hospital da Restinga, em Porto Alegre (RS). A iniciativa gerou a base teórica para o manual utilizado em todo o Brasil.

Troca da experiências

A enfermeira Renata Lima (foto abaixo) foi uma dos participantes do evento. Ela atua no HEAC desde maio de 2020 e afirma que o workshop foi de extrema importância para a troca de experiências. Ela também destaca que foi uma oportunidade de aproximação para compreender melhor as realidades de cada hospital.

Renata fala que o trabalho desenvolvido na implementação dos NIRS permite uma maior reflexão sobre a assistência. “Passamos a atuar com um pensamento mais maduro e sólido, com a visão e missão inteiramente direcionada ao paciente, para atender quem está na ponta, em situação delicada.”, afirma.

Para a médica Ana Paula Tomasi Scardua, o momento também foi de agregar conhecimento, a partir de um panorama melhor e atualizado sobre a rede de saúde do estado. Ela e Responsável Técnica no HEAC e também destaca que a implementação do NIR tem sido um ganho para o hospital. “Sinto que temos um apoio técnico e científico nas discussões e tomadas de decisões”, ressalta.

De acordo com a enfermeira Giulliani Xavier, as atividades colaboraram para o desenvolvimento profissional dos participantes. Assim como uma interação entre as equipes de saúde e com a coordenação do projeto. “O projeto tem sido uma experiência ímpar ao meu contexto profissional. E o workshop contribuiu para melhoria dos processos de trabalho, já que promoveu um maior contato entre todas as interfaces do projeto. Tanto quanto preceptores e bolsistas como lideranças”, relata.

manual para os Núcleos Internos de Regulação
Sandra de Oliveira, enfermeira do HMSA com o Manual do NIR

Agregar valor

Segundo a Responsável Técnica do Hospital Dorio Silva e supervisora do NIR na instituição, a médica Cláudia Miranda, o atual momento do projeto é de muita relevância, construção de novos fluxos, readequações e implementação. “Neste momento, afirmativamente, o trabalho decolou e sem o auxílio da Eficiência Hospitalista seria muito difícil de alcançar sucesso”, afirma.

Feedback do projeto

A enfermeira Flávia Luchi, que integra a equipe da Eficiência Hospitalista à frente do projeto, comemorou a edição do workshop. De acordo com ela, o material apresentado pelos profissionais envolvidos com os Núcleos Internos de Regulação superou as expectativas.

“A partir das experiências apresentadas, podemos observar diversas melhorias na regulação estadual. Portanto, estamos muito satisfeitos com a evolução dos núcleos em cada hospital que conta com o nosso trabalho”, diz.

Já o médico consultor Vinícius Soares reforça: “Vemos que os Núcleos Internos de Regulação implementados estão mudando a realidade da regulação no Estado e o acesso mais efetivo dos pacientes aos leitos do SUS”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-image: url(https://eficienciahospitalar.com.br/wp-content/uploads/2018/11/publicacoes.jpg);background-size: cover;background-position: center center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 400px;}